Seguidores

domingo, 27 de outubro de 2013

Auxiliando no Despertar dos Anjos Humanos - Por Gisele Santos da Silva



Há alguns anos, sempre notei, que mesmo ainda na época do meu próprio despertar, me chegavam muitas pessoas em busca de respostas para suas perguntas. Eu sempre respondo na medida do possível, pois mesmo tendo bastante conhecimento de inúmeras vertentes de conhecimento, obviamente não sei tudo!

Uma de minhas missões aqui encarnada na terra, é encontrar os anjos humanos e auxiliar em seu despertar! Interessante falar assim, mas de fato esta é uma de minhas missões... Nem vou me preocupar com o que podem pensar disso, cansei de esconder o que sou e pra que vim. Pois bem, os anjos humanos são pessoas que se dispuseram a encarnar aqui neste momento na terra com a missão de auxiliar na reconstituição do DNA original do ser humano para que o planeta faça sua transição para a próxima etapa de sua evolução. São verdadeiros anjos, no sentido literal da palavra: que desceram das esferas mais elevadas, encarnando aqui na terceira dimensão, para que com sua vibração tragam a frequência da transição aos corações humanos.

Anjos encarnados? Sim!
E isso é possível? Sim!

Por que Anjos - seres de tão elevada frequência, puros, e já evoluídos desceriam aqui à terra? - pela nobre missão de auxiliar na transição planetária para a 4a e 5a dimensões. São seres que se dispuseram a esta tarefa, mesmo sabendo que ao densificar seus corpos de luz, poderiam cair na rede da matrix terrena e entrando na roda cármica, o que resultaria em esquecimento de suas missões e de si mesmos, entrando inclusive na baixa vibração de algumas emoções terrenas. Porém como seres de luz, eles já vem com um código em seu DNA, para o despertar mais rápido. Um gatilho pronto para quando chegar o momento certo, disparar suas memórias, decodificando e abrindo todo seu potencial. Para estes seres, nem sempre vem um despertar de forma suave e tranquila, porque as informações estavam lá prontinhas para sair, então quando despertam, o efeito é semelhante a uma panela de pressão aberta de repente, tudo vem de uma só vez e numa grande intensidade. Quando ocorre o momento certo, as informações, vem sem blocos. Uma iniciação atrás da outra, informações chegam a "tijoladas" e o corpo físico nem sempre resiste de forma suave a estas torrentes de energia, e começa a metamorfose.

"Já presenciei pessoas que estavam trabalhando com energias muito densas, e quando passam a trabalhar com as frequências mais sutis, mais iluminadas, a impressão que dá é que todas as camadas dos corpos entram em "pane", ocorre um tipo de "curto circuito" e a pessoa vive uma espécie de "pororoca" energética ("pororoca" é o nome popular que se dá ao encontro das águas do rio com as do mar), Algo semelhante ocorre no encontro das energias densas com as energias sutis no corpo vibracional. Neste encontro divisor de águas, o corpo que mais sente é o físico resultando em alguns sintomas como dores musculares, as articulações, cabeça, cansaço e esgotamento físico, muita vontade de dormir, ou insônia, fadiga, estresse, sintomas de depressão, emoções a flor da pele, raiva exagerada, choro fácil, saudades de algo que não se sabe o que é, vontade de ser livre de alguma coisa, ganho ou perda de peso, erupções na pele, coceiras, queda de cabelo, alimentos que não digerem mais como antes (indigestão ou indisposição com certos alimentos) ansiedade, isolamento social, fora o súbito interesse por assuntos relacionados a vidas passadas, vida fora do planeta, universo, assuntos relacionados a curas etc."


Ao mesmo tempo que já presenciei também pessoas que trabalhavam com as energias mais sutis, e retornaram a trabalhar com energias densas por pura afinidade vibracional, e se "perderam" novamente por opção, o respeito com suas escolhas é também importante, cada um seguirá seu caminho no tempo certo.

Assim como vejo muitas pessoas ainda sob o véu do esquecimento, simplesmente porque optam por não despertar, não acordar. Elas são perfeitas da forma que são, fizeram uma escolha que deve ser respeitada também. Alguns ainda são muito jovens na senda da espiritualidade, alguns são almas que nunca vieram a este orbe antes e além de não compreender exatamente o que é tudo isso aqui, são incompreendidos, pois sua linguagem não compreensível, são muito telepáticos, sensoriais, cinestésicos. Muitas vezes algumas almas, ao se darem conta do quão difícil será sua experiência na terceira dimensão, assim que entram no corpo físico, de uma forma desesperada tentam voltar ou optam por não ficar.

Todas elas continuam sendo amparadas e experienciarão na medida do possível aquilo que lhe for necessário para sua evolução, na hora certa.

Quanto aos Anjos Humanos, não é tão fácil reconhecê-los, mas quem tem contato com eles sabe o quanto sua presença traz uma carga energética potencialmente transformadora. Temos aqui no planeta muitos seres de outras esferas, por isso é necessário muita cautela ao identificar um anjo humano quando ele ainda em fase de dormência, ou que esteja na latência de seu despertar.

Identificá-los pela frequência, e por suas imagens no plano espiritual para clarividentes e sensitivos é relativamente mais fácil. Já auxiliá-los em seu despertar não é e é necessário ter responsabilidade e respeito pelo processo de cada um deles. Ficamos relativamente ansiosos quando identificamos um ser assim, para que ele descubra seu potencial, para que desperte para seus dons e missão. Mas devemos respeitar acima de tudo seu tempo, e suas escolhas. Nada pode ser feito sem seu consentimento, sem sua permissão, ou contra sua vontade, e nada é absorvido antes da hora. Alguns quando despertam sentem que estão surtando e a transição pode ser muito difícil, pois muitas vezes estão a tanto tempo dentro da escuridão de seus sonhos, que ao despertar sentem-se literalmente perder o chão e alguns ainda tentam desesperadamente voltar a dormir... mas uma consciência uma vez em fase de despertar, dificilmente regride, pois a tendência é expandir. Por isso a responsabilidade quando se está auxiliando em seu despertar. É necessário ter o ancoramento energético necessário para amparar e auxiliá-los em seu processo de transição.

Uma vez que eles se reconhecem, assumem que é possível sim serem o que são - retirando de si todas as camadas dos véus e de crenças colocadas sobre o assunto de forma distorcida - e trazem quem são à tona, seus potenciais logo começam a despertar de forma acelerada de acordo com sua própria vontade. Cria-se um sincronismo com o universo para que uma vez desperta a consciência, ela se expanda e eleve sua vibração, brilhe cada vez mais, e posicione-se diante de seus propósitos.

Saber que se é um anjo na terra é saber que se é portador de  frequência capaz de acelerar o processo evolutivo de outros seres com os quais tiver contato em qualquer setor de suas vidas. É saber que se é capaz de abrir portas para a ascensão de seu semelhante e de si mesmo. Capaz de trazer para outros seres sua própria capacidade de ascender na evolução cósmica como ser crístico.

Para quem gosta do assunto anjos, procurem qualquer livro da Doreen Virtue, especialmente os Anjos da Terra, não esta disponível, até o momento, em Português, mas vale a pena a leitura, onde ela trata de forma séria o assunto.







Eu Sou Gisele Santos da Silva
Mensageira da Luz a serviço da Humanidade.
Terapeuta Holística Vibracional
http://giselessilva.com.br
Todos os direitos reservados
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...